I Concurso de Presépios de Natal


I CONCURSO DE PRESÉPIOS 2018
Externato Nossa Senhora do Rosário

O presépio é sem qualquer dúvida uma expressão da nossa cultura popular e ocupa um lugar de destaque na celebração do Natal. É igualmente uma manifestação cultural que se deve valorizar, reforçando por um lado a identidade religiosa e, por outro, potenciar a criação artística que ao longo de séculos tem vindo a deixar a sua marca.

Pelo exposto, o Departamento de Educação Artística e Tecnológica (EAT) propõe a realização de um concurso de presépios, com o objetivo de levar a participação de todos nesta celebração de cultura e valores cristãos e assim promover simultaneamente a produção artística da comunidade educativa.

OBJETIVOS DO CONCURSO

Promover a criatividade dos participantes.
Preservar e promover a tradição cristã;
Dinamizar e valorizar o verdadeiro espírito de Natal.

REGULAMENTO DO CONCURSO DE PRESÉPIOS

Cláusula 1.ª

1 – O Concurso de Presépios, adiante designado por concurso, destina-se a distinguir os trabalhos apresentados pelos alunos, cuja conceção pode ser da exclusiva autoria dos próprios, ou em parceria/colaboração com os encarregados de educação, ou familiares próximos.
2 – O concurso é aberto à participação da Pré-escolar, 2.º e 3.º ciclos de ensino.

Cláusula 2.ª
(Candidatura)

1 – Na primeira quinzena de novembro, os professores dos dois ciclos de ensino (Diretores de Turma, EV/ET e EMRC), anunciam aos seus alunos os objetivos do concurso, motivando-os e explicando a
importância da participação de todos no concurso.
2 – Serão aceites todos os trabalhos, embora preferencialmente em nome individual.
3 – Os trabalhos deverão ser entregues até ao dia 5 de dezembro.

Cláusula 3.ª 

1 – Os presépios a concurso, são (re)criações com base na inspiração artística dos seus autores.
2 – São regras de admissão ao concurso:
a) No presépio devem constar no mínimo, as três figuras da Sagrada Família: Jesus, Maria e José.
b) A inclusão de outras figuras fica ao critério dos participantes.
c) Todos os trabalhos serão expostos num espaço amplo e central, de forma a poderem ser apreciados em igualdade de circunstâncias por toda a comunidade e avaliados pelo júri.

Cláusula 4.ª

(Exposição)
1 – A exposição será inaugurada no dia 11 de dezembro.
2 – A decoração dos espaços de exposição é da responsabilidade dos professores do departamento de EAT.

Cláusula 5.ª
(Critérios de seleção / Classificação)

1 – Materiais utilizados, reconstituição, criatividade, harmonia estética e artística.
2 – Os presépios serão submetidos à apreciação do júri, o qual atribuirá os prémios em função dos critérios atrás referidos.

Cláusula 6.ª 
(JÚRI)

1 – O júri será constituído por 5 elementos:

i. Um elemento da Comunidade Religiosa.
ii. Um elemento do pessoal não docente.
iii. Um elemento do pessoal docente.
iv. Um elemento da Direção.
v. Um aluno.

2 – Os Presépios sujeitos a concurso serão avaliados pelo Júri de acordo com os seguintes critérios, ponderados de forma equivalente:

i. Criatividade.
ii. Harmonia do conjunto apresentado.
iii. Valor cultural, pedagógico ou artístico do presépio.
iv. Reutilização de materiais recicláveis.

3 – As deliberações do júri são definitivas não admitindo recurso.

Cláusula 7.ª
(Prémios)

1 – Serão atribuídos três prémios aos melhores trabalhos apresentados por cada Ciclo de Ensino

2 – Os prémios a atribuir são os seguintes

Pré Escolar
1.º Classificado: presépio
2.º Classificado: material escolar
3.º Classificado: material escolar

2.º Ciclo
1.º Classificado: presépio
2.º Classificado: material escolar
3.º Classificado: material escolar

3.º Ciclo
1.º Classificado: presépio
2.º Classificado: material escolar
3.º Classificado: material escolar

Cláusula 8.ª

Não poderão fazer parte do júri os intervenientes diretos ou indiretos a concurso.

Cláusula 9.ª
(Competências)

1- São competências do júri:
Decidir por maioria a atribuição dos prémios;
Selecionar e premiar os presépios de acordo com os critérios referidos nas Cláusula 3.ª e 5.ª.

Disposições finais
1- Os autores dos trabalhos a concurso autorizam a menção dos seus nomes e a reprodução fotográfica dos mesmos.